15 de Fevereiro – Procurando Atitudes Justas

Share

Por isso eu, o prisioneiro no Senhor, peço que vocês vivam de maneira digna da vocação a que foram chamados, com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando uns aos outros em amor, fazendo tudo para preservar a unidade do Espírito no vínculo da paz (Efésios 4:1-3).

Deus está mais preocupado com quem somos, porque quem somos determina o que fazemos.

Esses versículos revelam uma verdade básica: a vida cristã não é principalmente sobre o que fazemos, mas quem somos. Quando Paulo ensina sobre a caminhada piedosa, sobre como vivemos a cada dia, ele nunca discute sobre conduta, mas somente atitudes.

É possível ter o que eu chamo de “fruto de ação” – como louvor (Hebreus 13:15), dar (Filipenses 4:17), evangelizar (Romanos 1:13) e outras boas obras (Colossenses 1:10) – sem “atitude frutífera”, que é fruto do Espírito: “amor, alegria, paz, paciência, bondade, mansidão, fidelidade, gentileza e autocontrole” (Gálatas 5:22-23). Muitas pessoas podem fazer boas ações sem justiça interior. Mas isso é legalismo; Essa é a hipocrisia sobre a qual a Bíblia fala muito. O caminho correto para a verdadeira espiritualidade é ter atitudes adequadas em primeiro lugar. O Espírito Santo trabalha através de nossas atitudes para produzir ações corretas.

Infelizmente, muitos cristãos erram esse ponto. Para eles, ser cristão é observar principalmente uma lista de “coisas a fazer” na igreja, como ofertar, levar uma bíblia, não amaldiçoar, não beber, não matar. Eles veem o comportamento externo como o “fato” do cristianismo, em vez da manifestação dele. Eles não cultivam as graças interiores.

É claro que Deus quer que vivamos vidas justas. Mas, para aqueles com ações meramente externas, Jesus disse: “Ai de vocês, escribas e fariseus, hipócritas, porque vocês limpam o exterior do copo e do prato, mas estes, por dentro, estão cheios de roubo e de glutonaria! Fariseu cego! Limpe primeiro o interior do copo, para que também o seu exterior fique limpo!” (Mateus 23:25-26).

Não se deixe tornar escravo da religião externa. Certifique-se de fazer suas boas obras por amor a Deus e aos outros, como parte do transbordamento do fruto espiritual em sua vida.

Sugestão para oração

Se você enxerga a hipocrisia em si mesmo, peça a Deus que a remova de você. Ore e procure diligentemente “frutos de ação”.

Estudo adicional

Jesus advertiu sobre a pecaminosidade interna em Mateus 5:2122, 27-30 e a justiça externa em 6:1-18 e 7:1-5. Como Provérbios 4:23 é um antídoto para esses pecados?

Leonardo Dâmaso
Leonardo Dâmaso
Mineiro, de Divinópolis. Criador e editor-chefe do Reformados 21. Servo de Cristo, músico, compositor, teólogo, escritor, apologista, tradutor e blogueiro. Faço parte da JET - Junta de Educação Teológica do IRSE - Instituto Reformado Santo Evangelho.