9 de Janeiro – Aproximando-se da Perspectiva Divina

Share

Por isso eu, o prisioneiro no Senhor, peço que vocês vivam de maneira digna da vocação a que foram chamados… (Efésios 4:1).

Para amadurecermos na fé, devemos aprender a ver as coisas da perspectiva de Deus.

Paulo era um prisioneiro de Roma. Por que, então, ele se chamou de “o prisioneiro do Senhor?” Porque ele tinha a capacidade de ver tudo em termos de como isso afeta Cristo. Não importa o que aconteceu em sua vida, ele viu isso em relação a Deus. Suas perguntas foram: “O que isso significa, Deus?” E “Como isso afeta você?”

Quando um problema surge em nossa vida, somos propensos a dizer: “Oh, esta é a minha aflição!” E me pergunto como isso nos afetará. Isso me causará dor? Isso me custará dinheiro? Muitas vezes pensamos apenas na esfera terrestre. Mas, como Paulo, devemos pensar em uma esfera celestial. O que Deus está tentando me ensinar? Como posso glorificá-Lo nisso? Na verdade, uma boa definição da maturidade cristã é: ver automaticamente as coisas à luz da perspectiva divina.

Esta perspectiva, essa consciência de Deus, é o único caminho certo para os cristãos viverem. Davi disse: “Tenho o SENHOR sempre diante de mim; estando ele à minha direita, não serei abalado. Por isso o meu coração se alegra e o meu espírito exulta; até o meu corpo repousará seguro” (Sl 16:8-9). Como Davi estava sempre cônscio da presença de Deus, ele encontrou alegria e segurança, e nenhum problema poderia inquieta-lo por muito tempo.

O mesmo era com Paulo: ele sabia que havia um motivo para o seu encarceramento e que Cristo seria glorificado nele (cf. Fp 1:12-14). Paulo não estava preocupado com o quanto o afetou, e assim ele conseguiu se alegrar, mesmo na prisão.

“Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito” (Romanos 8:28). Nada acontece fora do controle de Deus. Confiamos que Ele sabe o que é melhor para nós.

Sugestão para a oração

Se você tende a ficar desanimado ou se queixar quando surgem problemas, peça a Deus que o perdoe e o ajude a ver problemas da perspectiva divina. Reconheça que Ele tem o controle de tudo.

Estudo adicional

A atitude de Paulo em relação às dificuldades foi cultivada pela experiência que ele descreveu em 2 Coríntios 12:2-10. O que Cristo ensinou sobre problemas no versículo 9, e como isso mudou a perspectiva de Paulo?

Leonardo Dâmaso
Leonardo Dâmaso
Mineiro, de Divinópolis. Criador e editor-chefe do Reformados 21. Servo de Cristo, músico, compositor, teólogo, escritor, apologista, tradutor e blogueiro. Faço parte da JET - Junta de Educação Teológica do IRSE - Instituto Reformado Santo Evangelho.