26 de Setembro – Reconhecendo a Existência de Satanás

Share

Uma vez, perguntei numa aula de filosofia na faculdade: “Quantos de vocês acreditam em Deus?” Dos trinta estudantes, vinte e sete levantaram as mãos positivamente; três se abstiveram.

Sendo assim, eu perguntei: “Quantos de vocês acreditam em Satanás como uma pessoa real?” Desta vez, o voto foi revertido.

Eu continuei minha pesquisa e perguntei: “Por que vocês acreditam em um ser sobrenatural que tem a capacidade de nos influenciar para o bem (Deus) e não em um ser pessoal sobrenatural que tem a capacidade de nos influenciar para o mal (Satanás)”? As respostas indicaram que o Diabo que eles estavam rejeitavam era o que eles enxergavam como uma caricatura mítica inexistente.

Muitos qualificaram suas posições, dizendo: “Eu acredito na realidade de uma força impessoal do mal no mundo”. Achei a resposta fascinante. Perguntei-lhes: “Como uma força impessoal pode ser má?”

O que é esta misteriosa força impessoal? Poeira cósmica? Radioatividade? Objetos, forças ou poderes impessoais? Pode ser muitas coisas. Uma coisa que não pode ser é moralmente má. Aqui, a tentativa de ser moderno e sofisticado torna-se um exercício de regressão intelectual.

Na presença de Deus

Você acredita que Satanás é uma pessoa real? Porque você acredita, como você faz? Como sua crença afeta sua resposta a ele?

Passagens para estudo adicional

Romanos 12:21; Mateus 12:43-45

Leonardo Dâmaso
Leonardo Dâmaso

Mineiro, de Divinópolis. Criador e editor-chefe do Reformados 21. Servo de Cristo, músico, compositor, teólogo, escritor, apologista, tradutor e blogueiro. Faço parte da JET – Junta de Educação Teológica do IRSE – Instituto Reformado Santo Evangelho.